AS DEFESAS MENTIROSAS DO PT DE LULA






                                                                      
Acho que vou editar um livro sobre este tema.
Os seguidores de Lula continuam desesperadamente mentindo sobre a realidade política, segundo       o Chefe devemos mentir, mentir , mentir porque assim de tanto escutar mentiras o povo passa a acreditar nelas e vão viver felizes como Alice no país das maravilhas.
Recebi uma nota da assessoria de imprensa da Deputada Celina Leão que confirma este péssimo ensinamento. Segue abaixo.

Depois que o deputado Chico Vigilante (PT) teve dois pedidos de cassação de seu mandato
protocolados na Câmara Legislativa, um pelo Unitralers e outro pela deputada Celina Leão (PSD), o parlamentar passou a declarar que o Projeto de Lei que regula os trailers no Distrito Federal está retido por conta de uma emenda de Celina Leão, com distorções perversas do conteúdo previsto não só na emenda, mas na subemenda, que tratam especificamente, uma de  corrigir um erro formal, quando o PL classifica os Lagos Sul e Norte  e o Jardim Botânico como áreas tombadas, e outra da não liberação para construção de novos quiosques. Ao contrário do que Vigilante vem semeando por aí, não trata de área tombada como o Plano Piloto, nem tampouco de novas construções e, segundo Celina, não seria motivo para reter a votação do projeto na CLDF, já que a ampla maioria é da base governista.

“Falar que defendo a construção de novos quiosques, ainda em áreas verdes e tombadas é uma ação desesperada de quem quer me desmoralizar, já que sou uma das maiores defensoras da preservação urbanística de nossa cidade, sendo inclusive um calo no sapato do governo quanto ao PPCUB, quando me recusei a votar o projeto da forma que estava. É lamentável o comportamento do colega que poderia gastar seu tempo construindo bons projetos pra Brasília e não denegrindo o meu trabalho com calunias” rebate  Celina. 

*Adorei a foto acima, postada há dias pelo Blog  DoCafezinho, pela sutileza e realidade refletida e por isso dupliquei, a quem deixo os créditos da mesma. 

MCNetto
03/06/2013