Os novos Procuradores Adjuntos do MPDF


posse dos promotores de justiça adjuntosO MPDF tem oito novos promotores, aprovados em concurso. Essa é a segunda turma que toma posse no cargo. 

A promotora de Justiça, Tânia Regina Fernandes, em sua saudação os conclamou a  “nunca desistirem de trabalhar por uma sociedade mais justa, pela promoção da cidadania e pela construção de uma democracia cada vez mais sólida.

A cerimônia de posse ocorreu no auditório do MPDFT e contou com a presença de familiares, amigos e integrantes da Instituição. Os promotores empossados farão agora Curso de Ingresso e Vitaliciamento na carreira e provavelmente as respectivas designações sejam definidas em maio.

Saiba quem são os novos promotores de Justiça adjuntos do DF

fernando josé sakayo de oliveira

Fernando José Sakayo de Oliveira é formado em Direito pelo Centro Universitário de Brasília (Uniceub). Exerceu o cargo de procurador do Banco Central do Brasil no período de 2004 a 2017 e de analista judiciário e técnico judiciário do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT) no período de 2000 a 2004.

 

 

jediael alves ferreira de sousa

Jediael Alves Ferreira de Sousa é pós-graduada pela Escola da Magistratura. Já ocupou os cargos de analista do Ministério Público da União e de técnica do TJDFT.

 

 

 

jullyer gadioli milanez

Jullyer Gadioli Milanez é bacharel em Direito pela Centro Universitário do Espírito Santo, pós-graduado em Direito Público pela Anhaguera. Atuou como advogado e foi analista e assessor de juiz de Direito no Tribunal de Justiça do Espírito Santo. Também foi delegado da Polícia Civil do Espírito Santo.

 

 

leonardo otreira

Leonardo Otreira é natural de São Paulo e estudou Direito na Universidade Presbiteriana Mackenzie, tendo concluído o curso em julho de 2012. Exercia o cargo de oficial de Justiça no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP)

 

 

 

leonel paz de lima

Leonel Paz de Lima é formado pela Universidade Estácio de Sá (RJ), e tem especialização em Direito Penal e em Direito, Estado e Constituição. Trabalhou como técnico judiciário no Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e foi assessor na Procuradoria-Geral do Estado do Rio de Janeiro, lotado em Brasília e com atuação perante os Tribunais Superiores. Ocupava o cargo de procurador do Banco Central do Brasil.

 
 

rafael leandro arantes ribeiro

Rafael Leandro Arantes Ribeiro tem graduação em Direito e pós-graduação em Processo Penal e Investigação Criminal, ambas pela Universidade Católica de Brasília. Já ocupou os cargos de procurador do Conselho Federal de Medicina, agente de polícia da Policia Civil do Distrito Federal (PCDF) e técnico do Tribunal Regional do Trabalho da 10 Região.

 

 

rodrigo fogagnolo mauricio

Rodrigo Fogagnolo Mauricio é graduado pela Faculdade de Direito do Largo de São Francisco (USP). Já foi advogado e ocupou os cargos de assessor jurídico no TJSP e juiz de Direito substituto no Tribunal de Justiça do Estado de Goiás.

 

 

 

tiago fonseca moniz

Tiago Fonseca Moniz é graduado pela Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo e exercia cargo de analista do MPDFT desde novembro de 2011. 

 



MCLNetto

07/04/2017